Assista o programa Dimensão Espírita. Todas as segundas e quartas-feiras às 19h30YouTube

publicado em 23/04/2017

Não pare

Se teu convivente está acomodado à margem da longa estrada da vida não o espere caminhe sempre. Saiba que a caminhada é longa, no entanto se permaneceres a espera daqueles que não querem caminhar, com toda certeza será mais um dos retardatários ao chegar no auge de teu destino.

Antes porém, procura incentivá-los alertando-os da necessidade de caminhar sempre. Ore por todos eles, mas não espere.

Saiba que o juízo de tua mente não entenderá que teu atraso fora devido a espera daqueles que ainda não despertaram para a verdadeira vida, que é a do espírito, e que o comodismo é um abismo que os prendem nas malhas da perdição, da falta de fé, do esforço e do verdadeiro conhecimento dos desígnios celestiais.

Saiba ainda que tua jornada não começou no berço mas sim a milhares de anos e que ainda muito te falta para considerar um verdadeiro vencedor.

Tu que te considera espírita ou espiritualista, leva muito a sério a lei do livre arbítrio. Saiba que esta máxima não deve ser observada em todos os caráteres, pois que muitas das pessoas que te cercam falta-lhes incentivo, oração e exemplo.

Conscientiza-te que não raro aqueles que te cercam e estão à margem da grande jornada da vida, podem ser de tua responsabilidade. Pois assumiste o compromisso de incentivá-los a caminhar sempre.

É antes necessário analisar e incentivar para que não te arrependas um dia de ter levado a sério a lei do livre arbítrio.

Insista, mas não pare a beira do caminho. Ore confiante a Deus e peças sempre discernimento para que saiba onde começa ou termina a tua responsabilidade diante daqueles que ainda não encontraram disposição para a longa caminhada rumo a redenção.

Pelo espírito Dr. Neto

Mensagem psicografada por José Alves de Sousa

Registre seu e-mail para receber novas mensagens.

As mensagens divulgadas aqui e muitas outras você pode encontrar
nas obras da Editora GW Publicações
Visite o site