Mensagem

Publicado há 2 meses

O controle das palavras

Disse Jesus: “Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca.” (Mateus, Cap. XII v.34)

Não raro os encarnados da crosta terrestre apreciam palavras chulas, se comprazem em ouvir ou contar anedotas indiscretas e não conseguem controlar a língua.

É necessário que saibam que espíritos do mesmo nível estão sempre vos rodeando e insuflando nos homens as anedotas desrespeitosas. Na verdade, esses encarnados estão sendo medianeiros do mal e pensam que estão livres dos influenciadores. 

Na pergunta seiscentos e vinte e quatro, do Livro dos Espíritos, Kardec pergunta aos espíritos superiores:

“— Qual o caráter do verdadeiro profeta?” — E nós acrescentamos: Do verdadeiro homem de bem, e os espíritos superiores respondem:

“— O verdadeiro profeta é um homem de bem, inspirado por Deus. Podeis reconhecê-lo pelas suas palavras e pelos seus atos. Impossível é que Deus se sirva da boca do mentiroso para ensinar a verdade.”

Se tu aprecias estas imoralidades, certamente estás rodeado de espíritos ainda desconhecedores da verdade, do verdadeiro sentido do amor e da evolução tão necessária a cada filho de Deus.

Como está o controle de tua língua, ou de tuas palavras? Pergunte a ti mesmo e saberás quais são os espíritos que te ladeiam.

Há um adágio que diz: O que os olhos não vêm, o coração não sente. Nós acrescentamos: O que os ouvidos não ouvem, sendo palavras reles, não serão contaminados pela peçonha dos vocábulos.

Controle um tanto mais tua língua, ignore aqueles que ainda não conseguem compreender que estão sendo instrumentos do maligno, para que irmãos teus menos esclarecidos não te acompanhem e façam de ti também instrumento do mal.

A grande catástrofe de teu mudo, as desavenças domésticas, as guerras entre nações, os crimes hediondos, ou até mesmo os pequenos conflitos começaram através do mal-uso da língua.

Seja superior, jamais permita que tua língua seja instrumento do mal. Use-a para beneficiar e para bendizer, para que tu sejas sempre um instrumento do Pai Celestial auxiliando sempre os menos esclarecidos.


Pelo espírito Nohovan
psicografado pelo médium José Alves de Sousa


Temas relacionados: atitude ética influência

Gostaria de receber as mensagens?

Se inscreva, e receba sempre uma nova mensagem no seu email.