Mensagem

Publicado há 3 meses

Perdão

Há um adágio que diz: “Quem perdoa, esquece”. Relembrar as ofensas pode ser natural dos encarnados da terra porque ainda se sentem ofendidos, no entanto relembrar com frequência a ofensa é porque não conseguiu perdoar.
Saiba que se existe alguém que te ofende é porque o ofensor ainda não conseguiu conhecer as Leis Morais e os ensinamentos de Jesus.
E tu? Porque ofendes teu semelhante sendo conhecedor das Leis Morais? Por ventura pensas que ficará impune diante do tribunal de tua consciência?
Se te sentes ofendido, é porque ainda permite que o orgulho reprima tua mente.
Se ofende, é porque não tem te esforçado para caminhar seguro na longa e penosa estrada da redenção, pois que sem o perdão das ofensas jamais estarás livre para ascender a uma vida melhor.
Sendo tu o ofensor, dependerá daquele que tu afrontaste e não raro terás de reencarnar junto a ele como parente carnal para a devida reparação.
Jesus recomendou orar pelos inimigos e por todos os que te perseguem. Viemos dizer também que se existe um ou mais perseguidores em tua vida, foi por que tu os ofendeste no pretérito.
Viemos também afirmar que o ódio ou até mesmo as pequenas mágoas podem atravessar séculos, e perdurar por várias reencarnações.
Não penseis que grande parte daqueles que te ofendem ou que tu rejeitas, sejam adversários apenas da vida carnal presente, pois que muitos deles te acompanham a séculos ou até milênios.
Perdoa ainda agora, mas perdoa esquecendo e procurando fazer todo bem possível pelo teu ofensor.
"(...) mas se não perdoardes aos homens, vosso Pai também não perdoará vossos delitos." (Mateus, Cap.VI v.15)


Pelo espírito Gema Casasanta
psicografado pelo médium José Alves de Sousa


Temas relacionados: amor

Gostaria de receber as mensagens?

Se inscreva, e receba sempre uma nova mensagem no seu email.