Mensagem

Publicado há 7 meses

Vigiai e orai

Vigiai e orai para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca. (Mateus, cap. XXVI, v. 41)

Frequentemente, teus desejos de te sobressaíres e venceres os obstáculos do cotidiano são grandes. No entanto, permites que a matéria sobrepuje o Espírito, cedendo sempre aos impulsos do desânimo, e te entregas ao maligno.

Observa que sempre te arrependes das atitudes impensadas; que te entristeces quando não consegues dominar teus impulsos e feres teu próximo ou não o auxilia nos momentos difíceis.  

Se és consciente que foste criado simples e ignorante, conscientiza-te também de que é necessário dominares o lado animal que existe em ti e esforçar-te um tanto mais para que teu Espírito reprima tua matéria.

Orar é estar sempre em colóquio com Deus. Vigiar é ficar atento aos ensinamentos do Divino Mestre e jamais fazer ao teu próximo o que não desejas para ti.

Se pretendes encontrar a paz em tua alma, é, antes, necessário semear a paz em teu derredor; é também necessário abluir tua alma das escórias malignas, para seres exemplo e digno de auxiliar teu adversários nos momentos em que eles estiverem passando por dificuldades.

Ora com mais frequência e com mais confiança em Deus. Procura vigiar tuas atitudes, avaliando-as sempre que possível para não ferires teu próximo e teres a certeza de que elas te conduzirão para uma vida melhor.

Atentai para todas as tuas atitudes e analisa se o que estás fazendo ou desejando ao teu próximo seria o mesmo que gostarias que fizessem a ti.


Pelo espírito Nohovan
psicografado pelo médium José Alves de Sousa


Temas relacionados: reforma oração auto-avaliação

Gostaria de receber as mensagens?

Se inscreva, e receba sempre uma nova mensagem no seu email.